Distância do G4 não é problema para Kleber: "Temos um grupo de qualidade" - Agora Já -

Distância do G4 não é problema para Kleber: “Temos um grupo de qualidade”

Foto:
9 de outubro de 2012
Faltam dez jogos para o término do Brasileirão. Mas, acima de tudo, falta uma sequência de vitórias para tornar a Libertadores ao menos palpável para o Inter. Mas, apesar de a distância para o G4 hoje estar em oito pontos, o lateral-esquerdo Kleber mantém a aposta de que o clube disputará o torneio continental em 2013.
“É muito difícil, mas não se torna impossível a partir do momento que o Inter tem um grupo de qualidade”, analisou o camisa 6, após o treino fechado desta segunda-feira, o primeiro antes da partida com o Atlético-MG. “Sabemos que (o time) ficou devendo, mas o mais importante é a gente não esquecer que nesses dez jogos temos um objetivo”, ressaltou.
Na avaliação do jogador, as constantes lesões, além das convocações, foram os fatores que mais atrapalharam o Inter ao longo do ano inteiro. “Isso dificultou muito o trabalho tanto do Dorival quanto do Fernandão”, disse. Para o jogo contra o vice-líder do Brasileirão, o técnico colorado terá desfalques em todos os setores da equipe.
E até por conta das ausências, Kleber defendeu a prática dos treinos fechados, que irá vigorar até o confronto com o Galo. “Em todos jogos decisivos têm que ter um algo a mais, que você não pode abrir para o time adversário.”
Índio, Rodrigo Moledo, Bolívar, Guiñazu, Forlán e Leandro Damião são desfalques certos do Inter. O técnico Fernandão vai encaminhar a equipe no treinamento da tarde desta terça-feira, no Beira-Rio. O trabalho será fechado à imprensa mais uma vez.

(55) 3375-8899, (55) 99118-5145, (55) 99119-9065

Entre em contato conosco

    Copyright 2017 ® Agora Já - Todos os direitos reservados
    error: Conteúdo protegido! Cópia proibida.