Ex-comandante da Brigada Militar é anunciado como novo secretário da Segurança Pública do RS - Agora Já -

Ex-comandante da Brigada Militar é anunciado como novo secretário da Segurança Pública do RS



Vanius Cesar Santarosa comandou a corporação entre maio de 2021 e fevereiro deste ano

Foto: BRUNO PANCOT / Agencia RBS
3 de abril de 2022

Três dias após tomar posse como governador do Rio Grande do Sul, Ranolfo Vieira Junior anunciou neste domingo (3) o nome do novo secretário da Segurança Pública do Estado. Será o coronel aposentado da Brigada Militar (BM) Vanius Cesar Santarosa, natural de Bento Gonçalves. Ele comandou a corporação entre maio de 2021 e fevereiro deste ano, quando completou o tempo limite de 35 anos de serviço.

O secretário adjunto será o delegado Heraldo Chaves Guerreiro, natural de Mostardas e ex-chefe do Departamento de Polícia do Interior (DPI). O atual adjunto da Secretaria de Segurança Pública (SSP), coronel da reserva Marcelo Frota, foi convidado para exercer outra função.

— O critério para a escolha é o currículo deles — justificou o governador.

Santarosa ocupa a função deixada por Ranolfo, que era secretário da Segurança Pública até a última quinta-feira (31). Ele teve de sair do posto para assumir o governo do Estado no lugar de Eduardo Leite, que renunciou ao mandato para se colocar à disposição do PSDB na disputa ao Planalto.

Ranolfo destacou que a escolha de um nome da Brigada Militar e outro da Polícia Civil para comandar a SSP tem como objetivo prosseguir com a integração entre as forças de segurança do Estado. Santarosa afirmou que irá manter o trabalho que é executado pela Secretaria desde janeiro de 2019.

Outro anúncio deste domingo é que o delegado Antônio Padilha, responsável pelo Programa RS Seguro, passará a responder diretamente ao gabinete do governador.

Como ficam as outras secretarias

Ranolfo mantém o mistério sobre os nomes dos novos secretários que irão assumir os cargos no governo. A cerimônia de posse conjunta está prevista para esta segunda-feira (4), às 17h. Mas falta confirmação oficial em 10 secretarias: Agricultura, Turismo, Igualdade e Cidadania, Trabalho, Meio Ambiente, Obras e Habitação, Transportes, Desenvolvimento Urbano e Metropolitano, Esporte e Lazer e de Relações Federativas.

Ao lado do secretário-chefe da Casa Civil, Artur Lemos, e do líder do governo na Assembleia, deputado Frederico Antunes, o governador disse que os nomes já foram definidos, mas ainda aguarda respostas dos indicados e espera anunciar todos de uma vez só.

Os antigos ocupantes das secretarias deixaram os cargos na última semana para disputar a eleição em outubro. A regra eleitoral obriga que os ocupantes de cargos e funções saiam do governo até seis meses antes da data do primeiro turno da eleição.

A previsão é que a primeira reunião do novo secretariado ocorra na terça-feira (5) pela manhã.

 

*Fonte: GaúchaZH


(55) 3375-8899, (55) 99118-5145, (55) 99119-9065

Entre em contato conosco

    Copyright 2017 ® Agora Já - Todos os direitos reservados
    error: Conteúdo protegido! Cópia proibida.