Grêmio desiste da negociação por Ganso - Agora Já -

Grêmio desiste da negociação por Ganso

Foto:
19 de setembro de 2012
Fim de negociação. Nesta terça, o Grêmio desistiu de contratar o meia Paulo Henrique Ganso depois de ouvir do atleta que ele pretende atuar no São Paulo. A informação foi confirmada nesta terça pelo presidente Paulo Odone. “Depois de muitas idas e vindas, (técnico Vanderlei) Luxemburgo falou com o jogador ontem e o Ganso disse que quer jogar no São Paulo”, afirmou. “Se não está com a cabeça para jogar aqui, como vieram Kléber, Zé Roberto e Elano, o Grêmio desiste oficialmente do negócio”. O dirigente disse ainda que não conseguiu nenhum investidor para o negócio.
Nessa segunda, a direção gremista havia ficado animada com a recusa do Santos pela proposta feita pelo clube do Morumbi. Ontem, o presidente santista, Luis Alvaro de Oliveira Ribeiro, não escondeu que a preferência era por um negócio com o Grêmio. Em tom humorado e carregado de ironia, Luis Alvaro falou sobre a possibilidade de o jogador se transferir para o Rio Grande do Sul.
“Existe muito diz que me diz, com o perdão do trocadilho (em referência ao Grupo DIS, que detém 55% dos direitos de Ganso). Toda hora se planta notícia, não ouvi do jogador isso, que ele quer ir para o São Paulo. A relação é profissional, ele vai jogar onde ganhar mais e se sentir mais à vontade. O Grêmio é um grande clube, com uma torcida maravilhosa. Seria um bom caminho para ele também”, afirmou, em evento na capital paulista.
O dirigente reiterou que a última proposta do São Paulo não atendeu aos interesses do Santos, mas disse que não irá entrar em uma queda de braço com Ganso.
Confira a nota oficial publicada no site do Grêmio:
Grêmio anuncia desistência do negócio com meia Paulo Henrique Ganso
Comunicado oficial
Em virtude da manifestação do jogador Paulo Henrique Ganso ao treinador gremista, Vanderlei Luxemburgo, sobre sua preferência por jogar em São Paulo, o Grêmio deu por encerradas as negociações pelo atleta.

(55) 3375-8899, (55) 99118-5145, (55) 99119-9065

Entre em contato conosco

    Copyright 2017 ® Agora Já - Todos os direitos reservados
    error: Conteúdo protegido! Cópia proibida.