Inter perde para o Flamengo, e joga a vida no clássico de domingo. - Agora Já -

Inter perde para o Flamengo, e joga a vida no clássico de domingo.

27 de novembro de 2011

Não um balde de água fria. Um grande balde de água fria. Foi o que o Inter levou em Macaé neste domingo no confronto com o Flamengo. A partida e os resultados paralelos poderiam decidir a vaga na Libertadores do ano que vem. Só o Inter é que não fez sua parte: vencer. Até um empate ficaria de bom tamanho. O time de Ronaldinho, Thiago Neves e cia venceu o confronto por 1 a 0. Agora o Inter cai para a sexta posição e dependerá de vitória no Gre-Nal do próximo domingo – além dos resultados do Flamengo e do Coritiba – para selar a vaga na competição continental.

Sim, o Inter fez mais no primeiro tempo em Macaé. Teve volume, empurrou o Flamengo para o campo de defesa e conseguia dar liberdade para D?Alessandro, que caía pelo setor direito, e Oscar, que armava pelo meio. Além deles, Gilberto conseguiu ingressos em velocidade pela esquerda. No melhor deles, em jogada individual, finalizou o lance com um chute fortíssimo de fora da área, defendido de peito pelo goleiro Felipe.

Do outro lado, pareciam neutralizados os homens que desequilibram. Ronaldinho e Thiago Neves foram bem anulados a maior parte do primeiro tempo. Mesmo cumprindo função de marcação, Tinga conseguia dar também o apoio ofensivo. D?Alessandro teve duas oportunidades arrematando de fora da área, pela direita. As duas tentativas de canhota levaram perigo a Felipe.

O Inter empilhou escanteios e passou a maior parte do primeiro tempo no campo de ataque. Mas em um lance, tudo mudou. Contra o Inter. Nos acréscimos, uma arrancada forte de contra-ataque rubro-negro. A bola é cruzada na frente da área do Inter da esquerda para a direita. Seria um lance despretensioso se não batesse no calcanhar de Rodrigo Moledo e ficasse na feição para que Ronaldinho invadisse a área e vencesse o goleiro Muriel aos 46 minutos: 1 a 0.

Na etapa complementar, o técnico Dorival Júnior viu que tinha que criar um fato novo. Gilberto, que voltou discreto do vestiário após o intervalo, deu lugar ao meia Andrezinho aos 14 minutos, numa tentativa de aumentar o poderio do meio-campo do time. Funcionou. O Inter conseguiu encontrar novos caminhos para chegar à área. O problema para a reação virar resultado até não foi a pontaria. Foi o goleiro do Flamengo.

Aos 20 minutos, Oscar fez uma bela jogada pela direita e mandou para a área, nos pés de Damião. O centroavante girou e bateu à queima roupa. Defesa monstruosa de Felipe.
Mais tarde, a opção foi sacar o lateral Nei para ter mais um homem de referência na frente: Jô. Só que Dorival pouco pôde ver se sua alteração daria resultado. Em seguida, em um lance na linha de fundo, D?Alessandro levou um rapa. A falta não foi marcada, e Dorival se enfureceu. Evandro Rogério Roman expulsou o treinador colorado para os minutos finais do jogo.

Próximos jogos:
04/12 – 17h – Inter x Grêmio


Rua Barão do Rio Branco, 1012, sala 205 - Centro - Panambi - RS (55) 3375-8899, (55) 99118-5145, (55) 99119-9065

Entre em contato conosco

Copyright 2017 ® Agora Já - Todos os direitos reservados