PIB cresce 4,6% em 2021, e país sai da recessão técnica - Agora Já -

PIB cresce 4,6% em 2021, e país sai da recessão técnica



Após queda histórica em 2020, economia se recuperou no ano passado impulsionada por indústria e serviços

Foto: Marcos Santos/USP
4 de março de 2022

O Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil cresceu 0,5% no 4º trimestre de 2021 e fechou o ano passado em alta de 4,6%. De acordo com os resultados divulgados nesta sexta-feira (3) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em valores correntes a economia nacional atingiu a marca de R$ 8,7 trilhões no período.

Entre os destaques setoriais, o desempenho foi puxado pelas altas de 4,5% na indústria e 4,7% nos serviços, após uma base de comparação marcada pela retração das atividades em 2020, em razão da pandemia. Já a agropecuária, em razão da baixa produtividade de cana de açúcar, milho, café e pecuária, apresentou ligeira queda de 0,2% na comparação com o ano anterior. E o consumo das famílias encerrou o período passado em alta de 2,1%.

Na Indústria, o melhor desempenho foi a elevação de 9,7% registrada na Construção, após queda de 6,3% em 2020. Na indústria de transformação, a alta foi de 4,5%, influenciada pelos segmentos de máquinas e equipamentos, metalurgia, fabricação de produtos minerais não-metálicos e indústria automotiva.

Por outro lado, na relação com o 3º terceiro trimestre de 2021, a agropecuária e os serviços apresentaram crescimento de 5,8% e 0,5%, respectivamente, enquanto a Indústria recuou 1,2%, justificado pela sazonalidade das principais safras do país.

Nessa base comparativa, entre os serviços, houve variações negativas de 2% no comércio e 0,4% na atividade imobiliária. Pela ótica da despesa, o crescimento do consumo das Famílias foi de 0,7% e da do consumo do governo de 0,8%.

 

*Fonte: GaúchaZH


(55) 3375-8899, (55) 99118-5145, (55) 99119-9065

Entre em contato conosco

    Copyright 2017 ® Agora Já - Todos os direitos reservados
    error: Conteúdo protegido! Cópia proibida.