Quatro feridos em Ijuí se encontram estáveis após cirurgias - Agora Já -

Quatro feridos em Ijuí se encontram estáveis após cirurgias

Foto:
23 de outubro de 2012
Quatro vítimas do acidente que matou três pessoas, na manhã desta segunda-feira, em Ijuí, passaram por cirurgias após sofrerem múltiplas fraturas em colisão entre uma carreta e dois carros no km 455 da BR 285, em Ijuí. Apesar das lesões graves, os pacientes foram estabilizados e se encontram fora de perigo imediato à sua saúde.
Os feridos são funcionários de uma concessionária de veículos de Ijuí, ocupantes de um Uno atingido por um caminhão, que causou a morte de outras três pessoas. A situação mais grave era da motorista Paula Ost Pereira, de 28 anos. Ela sofreus lesões em várias partes do corpo, inclusive perfuração nos pulmões. Juliano Menegol, 31 anos, também teve os pulmões perfurados, além de fraturas nas pernas, braços e no rosto, mas sofreram operações bem sucedidas.
João Gabriel Fasbinder, 26 anos, recebe atendimento na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), enquanto Luciano Fernandes de Melo, 36 anos, foi transferido para o hospital da Unimed no município. O outro ocupante do Uno, Sérgio Vicente da Silva, 39 anos, sofreu fraturas leves e já foi liberado.
Silva contou à equipe médica que viu a aproximação da carreta e conseguiu se abaixar dentro do carro para se proteger. Ele e os colegas seguiam para o parque em que foi realizada a Expoijuí, a fim de recolher os veículos da concessionária expostos no evento.
Morreram o motorista do Doblô atingido pelo caminhão, Leandro Freiberger, 32 anos; a mãe dele, Maria Nely Freiberger, 58 anos, e a funcionária da família, Viviane Lara, 27 anos. O condutor do veículo de carga com placas de Catanduvas (SC), identificado como Claudio Dallacosta, 41 anos, sofreu ferimentos leves.
Conforme a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a carreta invadiu a pista contrária na tentativa de desviar de um automóvel que havia ingressado na rodovia por uma estrada vicinal. Chovia forte na região no momento do acidente.

(55) 3375-8899, (55) 99118-5145, (55) 99119-9065

Entre em contato conosco

    Copyright 2017 ® Agora Já - Todos os direitos reservados
    error: Conteúdo protegido! Cópia proibida.