Quatro Panambienses foram presos ontem na Operação Tomahawk II - Agora Já -

Quatro Panambienses foram presos ontem na Operação Tomahawk II

7 de dezembro de 2011

Polícia Civil impõe mais um golpe no narcotráfico em Panambi

— Operação Tomahawk II foi desenvolvida em Panambi-Cruz Alta e Ijuí levou mais seis elementos para a prisão.

— Até agora já são 15 presos pertencentes a uma quadrilha comandada de dentro da Penitenciária Modulada de Ijuí.

Em ação realizada na quarta feira(7), a Polícia Civil realizou a prisão de seis elementos pertencentes à conexão de narcotraficância em Panambi. As prisões ocorreram em Cruz Alta, Ijuí e Panambi, as quais somadas a outras efetuadas há 30 dias já chega a 15 na Operação denominada de Tomahawk II, por possuir elementos conexos com a Operação Tomahawk I que levou 17 elementos para a prisão.

Prisões realizada em Novembro:
Após investigações que completaram um ano no mês de novembro próximo passado, a Polícia Civil obteve mandados de prisões temporárias de elementos que são identificados como integrantes do narcotráfico. No início do mês de novembro iniciaram os cumprimentos de mandados, tendo sido presos: Ângela Edina de Oliveira, 25 anos, Karla Regina de Oliveira, 23 anos, Donizete Edio de Oliveira e Gelisson Oliveira Lima, 18 anos.

Prisões realizadas quarta-feira, 07 de Dezembro 2011:

Nesta quarta feira foram cumpridos seis mandados de prisão.
 Em Cruz Alta, duas pessoas foram presas:
Kátia Daiane Zanin, 28 anos e seu companheiro;
Paulo Roberto Ferraz Pedroso – “Paulinho Ferraz”, já bastante conhecido no submundo do crime.
 Na cidade de Ijuí foram presas mais duas pessoas, sendo elas: Tereza Ferreira, 40 anos e
Everton Pereira Santos, 32 anos.

 Em Panambi foram presos quatro elementos:

Cleomar Fabiano Satel Ferreira, 20 anos;
Fábio Júnior Ferreira, 29 anos;
Luciano Michel Walbrink, e
Michael Fernando Plentz Wegner, 20 anos.

Preso na semana passada em Ijuí.

Um dos elementos que estava com prisão temporária decretada era Sandro Assis Delfino, 43, preso pela Brigada Militar pelo cometimento de outro crime.

Ações criminosas eram comandadas de dentro da Penitenciária Modulada de Ijuí.

Todas as ações criminosas desta quadrilha eram coordenadas pelo apenado Leonaldo Giglione Oliveira, preso em Panambi e que cumpre pena na Penitenciária Modulada de Ijuí. Junto com Leonaldo, em uma espécie de “Braço Direito” atuava Adriano Pereira Camargo.
Segundo resultou apurado pela Polícia, os produtos do tráfico, maconha, cocaína e crack eram adquiridos pelos traficantes que eram também, usuários, apenas utilizando o nome de Leonaldo, o “Chefe” como moeda de pagamento. A comercialização era feita em Panambi, Ijuí e Cruz Alta e após a venda o produto era pago e, após a venda, e os lucros repassados ao “Chefe” dentro da Penitenciária Modulada de Ijuí, de onde o mesmo comandava as ações criminosas.

Maior Operação de repressão ao narcotráfico em Panambi

O Delegado Chefe da Delegacia de Polícia de Panambi, Dr Carlos Anhaia Beuter responsável pelas investigações, disse que a Operação está ainda em andamento. Com isto presume-se que poderão haver mais prisões em cumprimento de mandados já expedidos.
Seguindo nesta linha de raciocínio, destacando-se que na Operação Tomahawk I, foram levados 17 elementos para a prisão e que a Operação Tomahawk II, ainda está em andamento e já conta com 15 presos, o número traficantes presos nesta Operação poderá alcançar ou até mesmo superar o número de prisões da Operação Pedra Brita, a maior até hoje desenvolvida neste Município que levou 22 elementos para a prisão.


Rua Barão do Rio Branco, 1012, sala 205 - Centro - Panambi - RS (55) 3375-8899, (55) 99118-5145, (55) 99119-9065

Entre em contato conosco

Copyright 2017 ® Agora Já - Todos os direitos reservados